Pular para o conteúdo

Quer saber como emagrecer? Saiba como o psicólogo pode ajudar nesse processo

Geralmente, quem deseja emagrecer passa por um processo longo que nem sempre é fácil. São dietas, remédios, adoção de uma rotina de atividades físicas, entre outros hábitos, mas que muitas vezes são abandonados ao longo do caminho.

Isso pode acabar gerando uma série de transtornos à saúde mental, como baixa autoestima, ansiedade e sentimentos de inferioridade devido ao resultado não alcançado.

Portanto, apenas fazer dieta e exercícios não são suficientes para alcançar o tão sonhado emagrecimento. É preciso também trabalhar o psicológico do paciente e o fazer entender que os resultados não são rápidos, porém a persistência é fundamental.

E, assim, a psicoterapia se torna uma grande aliada neste processo. Quando o foco é o emagrecimento, esses sintomas que afetam a saúde mental são trabalhados, para evitar que eles atuem diretamente no ganho do peso ou dificuldade de perda.

Neste artigo você vai saber mais sobre como a psicoterapia pode te ajudar a emagrecer. Continue a leitura!

Psicoterapia e emagrecimento: qual a relação?

Ao focar diretamente nos sintomas mentais, a psicoterapia identifica quais os transtornos atrapalham no emagrecimento, sejam os alimentares, como bulimia por exemplo, ou relacionados à imagem corporal.

Assim, o psicólogo especializado ajuda o paciente a ter uma mudança em sua mente para assim poder trabalhar melhor o corpo.

Esse processo envolve etapas importantes para o progresso do paciente. Entre elas estão:

  • Desfazer a ideia que comida é conforto;
  • Mostrar que há outras formas de prazer, além de comer;
  • Fazer entender a diferença entre fome e vontade de comer;
  • Controlar o impulso de comer;
  • Trabalhar a autoestima;
  • Mostrar ao paciente que a compulsão não é saudável;
  • Motivar o paciente a não desistir.

Assim, a psicoterapia promove o equilíbrio entre a saúde mental do paciente e como ele pode trabalhar o corpo de forma saudável e com persistência, sempre com prioridade na qualidade de vida.

O tratamento não é mágica

Muitas pessoas ao buscarem ajuda psicológica vão com a expectativa de que o processo de emagrecimento ocorra o mais rápido possível. Mas é importante ressaltar que o tratamento é uma parceria entre o psicólogo ou paciente.

Ou seja, ambos trabalham em conjunto para garantir que o processo de emagrecer ocorra de forma saudável e dentro da realidade.

Não há dietas mirabolantes ou remédios milagrosos. O foco é manter a saúde física e mental aliada à perda de peso.

Portanto a atitude do paciente é essencial para o sucesso do tratamento. Então, quando for procurar um psicólogo, entenda que a psicoterapia é um procedimento de médio a longo prazo.

Emagrecer depressa é uma promessa dos tratamentos “milagrosos”, mas que nunca se torna realidade.

Então, se você decidiu aderir à psicoterapia para um emagrecimento saudável, não deixe de consultar um profissional especializado, que indicará a melhor forma de tratar o seu caso.

Para marcar a sua consulta e resolver de uma vez por todas o dilema de como emagrecer, clique aqui!

Voltar ao topo