Pular para o conteúdo

Como direcionar a raiva para algo positivo?

Para muitas pessoas, a raiva é uma emoção difícil de se processar.

Enquanto uns externam essa emoção por meio de explosões violentas, outros acabam tentando reprimir esse sentimento.

Nos dois casos, a energia negativa é prejudicial não apenas para a pessoa raivosa como para os outros ao redor.

Por isso, para não ceder às formas prejudiciais da raiva, o melhor caminho é aprender como reverter essa energia para algo mais positivo.

É o que pretendo apresentar neste artigo.

Confira abaixo as minhas principais dicas de como direcionar a raiva para algo positivo.

Trace um plano de ação

O “lado bom” da raiva é que ela tem o potencial de nos manter motivados, querendo atingir o resultado o mais rápido possível.

Por isso, aproveite essa energia e transforme-a em um plano de ação dedicado à sua melhoria pessoal ou para atingir uma determinada meta.

É claro, não estou falando aqui em vingança, mas algo que você se beneficie de alguma forma, sem que isso acabe prejudicando outras pessoas.

Não desperdice essa energia.

Supere essa onda de raiva determinada e coloque em prática imediatamente as etapas de seu plano para levá-lo ao sucesso.

Portanto, planeje agora, execute logo em seguida, e viva com mais sucesso no futuro.

Pratique esportes

Muitas vezes, os esportes de ação ajudam a drenar a raiva.

Seja numa corrida, levantar pesos, artes marciais ou até mesmo dançar.

A prática esportiva libera endorfinas pelo corpo, suavizando esses sentimentos de raiva e trazendo emoções positivas para sua vida.

Além disso, a sua saúde física agradece.

Medite

A meditação também é um importante meio para aqueles que querem acalmar a mente.

A prática ajuda a chegar à fonte da raiva e descobrir uma maneira de seguir em frente.

Comece meditando 5 minutos por dia e vá aumentando a duração conforme vai pegando a prática de controlar os pensamentos raivosos.

Inclusive, a meditação e a prática de esportes formam uma ótima “dupla”, que vai ajudar não apenas a manter a sua saúde física, mas também a saúde mental.

Não pense

Não alimente os pensamentos negativos em sua cabeça.

Quanto mais você pensar no ocorrido, mais tempo você ficará preso nessa raiva, gastando energia e tempo que poderiam ser canalizados em outra coisa mais positiva.

Por isso, não pense. Apenas faça algo positivo para você!

A ação é o melhor caminho para limpar a mente e seguir em frente.

Pratique o perdão

Se você quer controlar a raiva, é preciso aprender a perdoar a si mesmo, assim como as outras pessoas.

Nós, como humanos, cometemos erros de vez em quando.

Se você continuar se culpando, atrairá mais energia negativa para a sua vida, impedindo que você continue a evoluir.

O mesmo vale ficar guardando rancor de outra pessoa. É um sentimento que você não precisa na sua vida.

É claro, perdoar não significa que você tenha que gostar da pessoa que lhe causa raiva ou se manter próximo dela.

Simplesmente, você precisa descarregar o fardo que o outro lhe causou e usar essa energia como motivação para continuar a buscar a sua própria evolução.

No entanto, se mesmo assim está difícil controlar essa raiva, sugiro que você entre em contato com um psicólogo.

Marque aqui a sua primeira consulta e aprenda como direcionar a raiva para algo positivo.

Voltar ao topo