Pular para o conteúdo

Como criar e manter um hábito

Cotidiano
Como criar e manter um hábito

Todo mundo sonha ser uma pessoa “super produtiva”, sendo capaz de acordar cedo, se exercitar, comer alimentos saudáveis, ir bem nos estudos, concluir tarefas do trabalho no menor tempo possível e ainda manter bons relacionamentos. Porém, a ciência aponta que muita gente confunde a força de vontade com o poder do hábito.

Segundo pesquisadores da Duke University, os hábitos são responsáveis ​​por cerca de 40% de nossos comportamentos em um determinado dia. Portanto, boa parte do que você faz hoje rapidamente e sem esforço vem, na verdade, de uma série de hábitos pré-estabelecidos.

O que você faz repetidamente acaba por formar a pessoa que você é hoje, além das coisas em que você acredita e a personalidade que você retrata. Parece ótimo, não é? O único problema é que construir bons hábitos exige esforço e discernimento.

Felizmente, existem algumas estratégias que podem ajudar a criar novos hábitos. Aqui estão algumas dicas dos nossos psicólogos comportamentais.

Comece com um hábito simples

A força de vontade não é infinita. Tem dias que você terá vontade de mudar o mundo, enquanto outros quer ficar apenas em casa vendo Netflix. Essas ondas de motivação, com seus altos e baixos, é absolutamente comum, portanto, não se culpe por ter aqueles dias mais improdutivos.

Uma maneira de driblar a força de vontade é escolher iniciar um novo hábito por vez. Além disso, esse hábito precisa ser fácil o suficiente para que você não precise de motivação para fazê-lo. Pode ser algo bem simples, como apenas arrumar a cama logo após acordar. Quando este hábito estiver estabelecido, passe para o hábito seguinte.

Comece pequeno e aumente aos poucos

A chave para criar um hábito é manter a consistência. Se o hábito for difícil no início, rapidamente você desistirá dele. Por isso, comece pequeno e melhore gradualmente.

Por exemplo, se você quer ter o hábito de fazer 50 flexões por dia, comece fazendo apenas 5 flexões por dia. A cada semana que passa, aumente um pouco a quantidade de flexões até alcançar a meta. Ao longo do caminho, sua força de vontade e motivação aumentarão, o que tornará mais fácil manter seu hábito para sempre.

Não desista na primeira falha

É absolutamente normal falhar um dia ou outro na construção de um hábito. Porém, quando você der essa escorregada, basta retomar o hábito no dia seguinte.

Um dia de falha não terá um grande impacto sobre o seu progresso. Por isso, abandone a mentalidade de ser perfeito e reserve algum tempo para refletir maneiras para que coisas e pessoas não impeçam o seu hábito de acontecer.

Se aproxime de pessoas com os hábitos que quer ter

Ter apoio social é um grande impulso na motivação para construir um novo hábito. Se você quer incluir na sua rotina o hábito de correr, por exemplo, pense na possibilidade de chamar um amigo para fazer o mesmo ou procurar por grupos de corredores na sua cidade.

Bons hábitos são contagiosos, portanto, procure pessoas que estão um pouco à sua frente na curva de aprendizado. Além de fazer novas amizades, você agregará mais valor ao seu novo hábito.

Para mais dicas como essas, confira o meu perfil no Instagram.

Últimas publicações

images/blog/o-que-e-vergonha-e-como-lidar-com-ela.jpg
Cotidiano

O que é vergonha e como lidar com ela?

images/blog/o-que-e-bolha-social.jpg
Cotidiano

O que é bolha social e como ela pode afetar a sua vida

images/blog/porque-voce-deve-comecar-a-ter-compaixao.jpg
Cotidiano

Por que você deve começar a ter autocompaixão hoje mesmo

Tudo bem buscar ajuda!

Agende agora mesmo uma consulta e vamos conversar.

Agendar uma consulta
Yuri Busin